Horta do Joaquim

Publicado por Regiane Nigro em

certificado de transição agroecológicaJoaquim Perez Neto e Zuleica Maria Neves Perez são aposentados e começaram a plantar na horta porque além de já gostarem do contato com a natureza, queriam ajudar a filha Andreia, que trabalha na Asssociação. Ela tinha aberto uma loja de delivery de orgânicos que acabou não dando certo, mas o cultivo foi mantido e hoje eles investem em ervas de tempero e medicinais, com tomilho, tomilho limão, manjericão roxo, alecrim, salsinha, coentro, vários tipos de hortelã, funcho, erva-doce, novalgina, carqueja, boldo, citronela, louro e alfazema, entre muitas outras. Gostam de descobrir o potencial curativo das plantas e já tem muitos clientes que os procuram por terem esta vocação de farmácia viva. Também cultivam PANCs (Plantas Alimentícias Não Convencionais) como a ora-pro-nobis, a capuchinha e o peixinho e a batata yacon, fonte de insulina muito boa para o tratamento de diabetes que pode ser comida crua.

Categorias: hortas